O que é meu também pode ser nosso

Educação infantil

     Um dos grandes desafios para as crianças pequenas é sair de seu mundo e construir a noção de pertencimento a um coletivo. As nossas turmas do Maternal estão vivenciando situações de percepção do que é seu e do que é do outro, ampliando as suas compreensões das responsabilidades individuais e coletivas.

    Nesse percurso, as crianças identificaram alguns pertences pessoais na escola e em casa, fazendo o uso de cartões. O mesmo aconteceu com os pertences coletivos, o que é nosso.

    Com a história “Cadê o meu penico?”, as crianças puderam se divertir e perceber que é possível compartilhar pertences, assim como a menina Hortênsia compartilhou o seu penico com os animais.

    É importante lembrar que é comum nessa idade que as crianças resistam para  dividir brinquedos, amigos e até mesmo a professora. Mas, pelas vivências, esses aprendizados se tornam mais potentes e possibilitam a ampliação dessas interações.

    Já conhece essa história? Fica a dica de um título muito interessante:

    Cadê o meu penico?

    Autor: Mij Kelly

    Editora: Companhia das Letrinhas

Confira as fotos

Comentários

Carregando...